Final do Revelações Sertanejo vai ao ar na TV Aparecida nesta sexta-feira

Após três meses de muita emoção, o Revelações Sertanejo chega à final, ao vivo, nesta sexta-feira (06), às 20h. O grande vencedor será apresentado por Amanda Françozo, no palco do auditório da TV Aparecida.  Ao todo, quatro duplas classificadas concorrerão ao título de melhor cantor sertanejo da temporada 2019 do reality show musical.

Estão na final os seguintes candidatos:  Matheus e Lorenzo, de Presidente Prudente (SP), Weder e Filipe, de Uberaba (MG), Vinicius e Thayná, de Morretes (PR) e Duo Us Dias, de São Carlos (SP). Irá vencer a dupla que alcançar a maior pontuação dos jurados do programa.

A grande final contará com a participação da repórter Abiane Souza entrevistando os familiares dos concorrentes durante o programa e realizando lives nas redes sociais da TV Aparecida, antes e depois do Revelações Sertanejo. Será mostrado, inicialmente, todo o clima de expectativa para o reality musical  e as primeiras reações da dupla vencedora da noite.

O Revelações Sertanejo 2019 estreou no dia 13 de setembro, com 40 candidatos. Teve 12 episódios, com seis fases no total. Dirigida por Ronaldo Souza, a produção tem em seu júri a dupla Hugo & Tiago, o maestro Rodrigo Costa e a cantora e instrumentista, Adriana Sanchez.

Prêmios

1 Troféu da TV Aparecida e 1 EP produzido pelo maestro Rodrigo Costa;

Instrumentos musicais para uma banda inteira, da empresa Sonotec, ao vencedor, e cada um dos quatro finalistas vai ganhar 1 Violão Takamine GD20;

1 colchão tecnológico terapêutico da empresa  Sonoquality para o vencedor;

1 vídeo clipe de uma das músicas do EP, que o vencedor irá gravar, dirigido por Caio Fernandes;

1 viagem nacional da empresa Catedral Viagens.

Confira o perfil dos finalistas:

MATHEUS E LORENZO

A dupla foi formada em março de 2017, através de um amigo em comum que os apresentou, na cidade de Presidente Prudente (SP). As referências musicais dos dois são as mesmas: Milionário e José Rico, Zezé de Camargo & Luciano, Mato Grosso e Mathias, entre outros. A troca de experiências deu muito certo. “Estar na final do programa é surreal, gratificante, nos faz acreditar no nosso potencial, pois desde o início todos os candidatos eram incríveis. Expectativa a mil! Estamos indo para dar o nosso melhor. Todos os candidatos são merecedores e tenho certeza de que será uma grande final”, define a dupla.

VINÍCIUS E THAYNA

A formação da dupla é de 2016. Vinícius tinha uma outra dupla e Thayna cantava solo. Nessa caminhada de três anos juntos, Vinícius e Thayana vêm tendo resultados positivos no trabalho: “Já nos conhecíamos há mais de um ano. Tínhamos uma amizade bem próxima, onde nos encontrávamos era música na certa!”, contam.  Ambos são nascidos e criados em Morretes (PR).  Suas referências musicais são Milionário e José Rico, Leandro e Leonardo, Trio Parada Dura, Chrystian e Ralf. “Apesar de hoje trabalharmos na noite e o forte ser o Universitário, as músicas e os cantores ‘raiz’ são nossas referências e nos nossos shows não podem faltar. E estar na final do Revelações Sertanejo para nós é motivo de muita alegria e gratidão. Sabemos que é o sonho de muitos artistas, que também vivem na luta como nós: pisar em um palco como esse e participar de um dos maiores realyts shows do Brasil. Então, só temos a agradecer imensamente a Deus; com toda certeza está sendo uma das maiores oportunidades da nossa carreira e um dos nossos sonhos realizado”, avaliam.

DUO US DIAS

A dupla de São Carlos (SP) é formada por Meire e o filho Biel Dias. Ele iniciou a carreira como cantor instrumentista muito cedo e aos 10 anos já tocava violão e viola, participando de festivais em toda a região. “Em casa temos o costume de conversar muito e trocar ideias sobre tudo, e com a música não foi diferente. Meu filho e eu gostamos muito de duetar as vozes, Biel sempre querendo aprender mais. Com isso, em 2016, nasceu o Projeto ‘Us Dias’ no qual cantamos em duetos os clássicos da música sertaneja”, conta Meire.  Entre as principais referências musicais da dupla estão Almir Sater, Renato Teixeira, Victor & Leo, Paula Fernandes.  “Estar na final do Revelações Sertanejo e, principalmente, na TV Aparecida é fortalecer nossa fé, acreditar que Nossa Senhora Aparecida intercede por nós junto ao Pai. Quando do surgimento do ‘Duo Us Dias’ tínhamos uma meta de cantar canções que, de alguma maneira, levasse uma mensagem de amor e respeito ao próximo. E nada melhor do que começar nossa história na TV Aparecida. Estar na Final com uma produção tão linda, com pessoas que admiramos demais, é realmente uma gratidão imensa”, conclui a dupla.

WEDER E FILIPE

A ideia da formação da dupla se consolidou em fevereiro de 2019. As principais influências são duplas caipiras que tocavam no rádio. “Eu cresci com minha mãe ligando o rádio todos os dias de madrugada e assim conheci duplas como Zilo e Zalo, Tonico e Tinoco, João Mineiro e Marciano,  Milionário e José Rico passando por Chitão e Xororó, Zezé & Luciano, e Bruno e Marrone, que é a minha maior identificação vocal”, explica Weber, que  é nascido em  Jussara (GO). Ele fala ainda sobre a importância de participar do concurso musical da TV Aparecida: “Estar na final do Revelações é um sonho e uma realização pessoal e profissional, visto que na edição passada fui semifinalista, me apresentando solo, e agora com esse novo projeto. É muito importante para nós, pois mostra que estamos mais preparados para o mercado e também um aprendizado enorme para a vida, sem contar a visibilidade que a TV Aparecida traz para nós, artistas. É um sonho estar em rede nacional numa emissora tão acolhedora, num lugar tão abençoado, que é o Santuário Nacional, e uma emoção gigante, visto que toda minha família é devota de Nossa Senhora”.

Filipe nasceu em Uberlândia (MG) e é bacharel em direito, além de cantor e compositor. Participou de bandas baile e outras duas formações de duplas;  agora está em um novo projeto. “Este ano pretendemos expandir a dupla para novos Estados, gravar um single e clipe, e trabalhar bastante para uma agenda sempre cheia”, diz o cantor, que conheceu Weder em 2014 por meio do grupo de WhatsApp.  “Começamos a cantar em fevereiro de 2019. Para mim estar na final do Revelações já é uma grande vitória, estar em uma TV que valoriza nossa música e o artista é maravilhoso. Esperamos vencer, positividade sempre”, finaliza Filipe.

Revelações Sertanejo, sexta-feira, às 20h.




leia mais

Léo e Júnior animam o Aparecida Sertaneja desta terça-feira

Na noite de terça-feira (12), às 19h30, a TV Aparecida traz mais um show de atrações musicais ao vivo.  Mariângela Zan, no comando do Aparecida Sertaneja, recebe no palco nomes como, os irmãos Léo e Junior, fenômenos de acessos na internet com o hit “Ô Lá Em Casa”, Alladin e os mineiros Matheus Minas & Leandro.

Saiba um pouco mais sobre cada atração do programa desta semana:

Léo e Júnior

Os irmãos Léo e Júnior têm as vidas dedicadas à música, desde a infância.  Naturais de Rubiácea (SP), os dois iniciaram a carreira realizando apresentações em concursos escolares e feiras agropecuárias. Em 1989, com os nomes de Wando e Wagner, se apresentaram em festas universitárias. A dupla com esse nome, no entanto, durou um ano, já que em 1990, com ajuda da família, os irmãos compraram instrumentos musicais e  formaram a Nova Era, banda que acompanhava nomes do sertanejo, como a dupla Tonico e Tinoco. Já o primeiro trabalho profissional como Léo e Júnior aconteceu em 2004 com o CD “Cowboy de Coração”. Entre as faixas de sucesso do álbum estão “Por Toda Vida” e “Paixão Saudade”.  O segundo disco foi “Alegrando o Brasil”, que ganhou­­ o “Troféu Pérola de Ouro” na categoria ‘Melhor Dupla Sertaneja’, em 2008. Anos depois, no lançamento do CD “Léo e Júnior – Ao Vivo” veio a explosão: o hit “Ô Lá Em Casa”. No YouTube, os vídeos com a canção ultrapassam a marca de 15 milhões de visualizações.

Alladin

O cantor é afilhado do saudoso João Mineiro, da dupla com Marciano. Ele começou a carreira bem cedo, aos 19 anos, quando gravou o primeiro disco, ainda com o nome de Patrick. Em 1994, foi apresentado por João Mineiro a Alan, passando a formar a dupla Alan & Alladin, colecionando sucessos por duas décadas. Agora Alladin segue carreira solo interpretando clássicos que marcaram a sua carreira, canções consagradas na voz de José Rico, ídolo do cancioneiro sertanejo, além de músicas inéditas tocadas em todo o Brasil.

 Matheus Minas & Leandro

O amor pela música sertaneja uniu a dupla Matheus Minas & Leandro, em 2007. Os parceiros, que ficaram conhecidos com o sucesso do hit “Jeito de Menina”, iniciaram a carreira em Minas Gerais, onde nasceram e moraram até o surgimento da dupla. Matheus, dono de uma voz forte e marcante, tem um timbre diferenciado e já tinha 11 anos de estrada quando a dupla começou. Já Leandro vem de família de músicos e tocava em uma banda como tecladista. Ele é instrumentista autodidata, toca viola, violão, contra-baixo, teclado, sanfona e bateria. Os jovens sentiram que a parceria iria longe e decidiram unir suas violas. O primeiro CD da dupla foi “O Amor, Você e Eu” e “Ao vivo, em Cajamar”, o segundo trabalho, que reúne muito modão adaptado em uma roupagem jovem e músicas inéditas, entre elas, “Chuva Que Cai”, “Na Boca do Litro” e “Jeito de Menina”. O terceiro e mais recente álbum da dupla é “Mil Motivos”.

Aparecida Sertaneja, terça-feira, às 19h30.




leia mais

Claudiah estreia como apresentadora do SBT e prepara lançamento de canção de trabalho

“Musicalizando Geral com Claudiah” vai ao ar aos sábados, para mais de 60 municípios da região de Campinas


Mulher Brilhante: Claudiah, Marlene Querubin e Kenia Gama, responsável pelo evento de empreendedorismo cuja canção tema é interpretada por Claudiah

A cantora Claudiah estreou como apresentadora de TV na VTV, afiliada do SBT que tem alcance em mais de 60 municípios da região de Campinas, importante polo econômico do interior do estado de São Paulo.

Ela comanda o “Musicalizando Geral com Claudiah”, quadro do programa Top Show em que o objetivo é trazer convidados dos mais variados segmentos para entrevistas e, claro, apresentar muita música de qualidade.

Claudiah também prepara o lançamento de seu mais novo álbum pela Festa Music/Aerbrasil/Som Livre, o EP batizado de “Ritmos”, onde interpreta várias divas e cuja produção musical da faixa principal será assinada por Ney Marques, profissional dos mais requisitados no mercado. “A ideia é mostrar todo o potencial e ecletismo presentes na Claudiah. Ela é uma cantora versátil, que interpreta com igual performance o rock, pop, assim como canções em outros idiomas, como italiano e espanhol. Uma artista moderna, multimídia. Cada faixa do trabalho terá uma característica diferente, marcante”, afirma Marlene Querubin, empresária da artista.

A sintonia das duas é clara até mesmo no momento de compor. Elas assinam a letra de “Free Roud”, nova canção de trabalho da intérprete internacional, que será apresentada ao público em evento na capital paulista no dia 5 de dezembro.

Juntas, elas foram destaque no “Mulher Brilhante”, considerado o maior evento de empreendedorismo feminino do país, que aconteceu entre os dias 4 e 6 de outubro, em São Paulo. Claudiah foi escolhida para interpretar a música tema do encontro, “Unstoppable” (Chris Braide/Sia), gravada originalmente pela australiana Sia, e apresentou o show da turnê que percorre o Brasil.

E ninguém melhor que elas, talentosas e bem-sucedidas, para representar as mulheres em um encontro tão importante.

Sobre Claudiah

Claudiah é uma artista latino-americana, que ao longo de seus 25 anos de carreira se destaca em vários segmentos artísticos: circo, teatro e música. Roqueira por essência, ela interpreta todos os ritmos confortavelmente e não esconde o seu amor por ADELE. Dona de uma voz rouca e um olhar marcante, a cantora se destacou recentemente pelo musical “Adele Tribute” e prepara seu novo álbum, “Ritmos”, que será base para nova turnê pelo país e exterior.

Sobre Marlene Querubin

Marlene Querubin é o melhor exemplo do adjetivo multifacetada. Empreendedora, empresária artística, circense, escritora e compositora, se divide em suas várias funções entre as (poucas) 24h de cada dia. Como escritora, publicou diversas obras, com destaque para “Marketing do Circo”, “Coração na Lona” e “Momentos Mágicos”. Ela também é gestora do Villa Mais, um dos espaços mais completas da capital paulista quando se fala em entretenimento, e fundadora e CEO do Circo Spacial, referência nacional e internacional no segmento circense.




leia mais

Murilo Huff é uma das atrações do Aparecida Sertaneja desta terça-feira

Mariangela Zan recebe no palco do Aparecida Sertaneja desta terça-feira, às 19h30, talentosos convidados de estilo e tempo de carreira distintos. De um lado, Murilo Huff, cantor que vem brilhando no cenário artístico de 2019; de outro, a dupla Manu e Gabriel, que despontaram no mercado após um concurso na TV, em 2014. E no alto da árvore de talentos, o programa da TV Aparecida recebe a veterana paraguaia Perla, sucesso da década de 1970, que encanta o público com suas canções.

Conheça um pouco mais das atrações desta semana do Aparecida Sertaneja, programa dirigido por Jeferson Silva:

Murilo Huff

O jovem cantor goiano compôs várias músicas gravadas por artistas como Michel Teló, Maiara e Maraisa, Naiara Azevedo. Um de seus mais recentes sucessos é “Dois Enganados”, que gravou em dueto com Marília Mendonça, com quem assumiu namoro em maio de 2019. O hit tem mais de 10 milhões de visualizações. A letra foi feita por Murilo Huff, há cerca de dois anos, com Danilo Davilla, Gustavo Martins e Wallace Melo.

Perla

Ermelinda Pedroso Rodríguez D’Almeida, a Perla, nasceu e foi criada no Paraguai, mas mudou-se para o Brasil bem jovem em busca de oportunidades.  Foi com “Fernando”, versão em português da música do grupo Abba, que a cantora se consagrou na década de 1970. Ao longo da carreira, vendeu mais de 15 milhões de álbuns, ganhou 11 discos de ouro, dois de platina, um de platina duplo, entre outras premiações. Seu repertório é composto por tendências, que vão das guarânias e boleros a versões de músicas pop.

Manu e Gabriel

Os dois são de Londrina (PR). Iniciaram carreira em 2008, mas se conheceram ainda criança, quando estudaram no mesmo colégio. Tudo começou quando eles cantaram juntos em um encontro de jovens católicos, o que ocasionou a formação da dupla depois. Aí começaram a tocar em bares e baladas da cidade. E no ano de 2014 aconteceu um marco na carreira de Manu e Gabriel: participaram do Festival Sertanejo do SBT, no qual enfrentaram mais 13 participantes de outras regiões do país e saíram vitoriosos. O prêmio foi um CD produzido pela dupla Chitãozinho & Xororó, que eram os apresentadores do programa. Agora o mais recente álbum da dupla é “Manu & Gabriel: Eu e Ela”.

Aparecida Sertaneja, terça-feira, às 19h30




leia mais
Siga no Instagram @alinemoraisdivulgacoes
[Aline Morais]

Casada, mãe de três filhas e apaixonada pelo que faz! Há mais de 10 anos atua no mercado musical sertanejo como blogueira e influenciadora digital, auxiliando artistas e empresários em lançamentos e projetos específicos com muita responsabilidade, dedicação, credibilidade e serenidade.

x